Na China, Rui Costa negocia investimento de R$ 27 bilhões para a Bahia

Governador assinou protocolo com a Easteel para implantação de um parque industrial integrado

Em Pequim, na China, o governador Rui Costa assinou, na manhã desta segunda-feira (13), um memorando de entendimento entre o Governo do Estado e a chinesa Easteel. A empresa pretende investir na Bahia US$ 7 bilhões (27 bilhões de reais) para implantação de um projeto de desenvolvimento integrado que deve gerar mais de 30 mil empregos diretos.

“Vamos trabalhar de forma firme, dedicada e determinada para que esse projeto marque a história da economia baiana e das relações do Brasil com a China”. Declarou o governador.

O projeto contempla a construção de um grande parque industrial integrado, composto por siderúrgica, usina de energia e diversas unidades fabris, a exemplo de uma fábrica de cimento capaz de produzir anualmente 5 milhões de toneladas. Também compõem o planejamento da Easteel a revitalização do Porto de Aratu, com aplicação de sua capacidade de movimentação, e a construção de uma cidade inteligente nas proximidades do parque industrial, para trabalhadores da empresa e seus familiares.

Acompanhe o Caderno de Notícias no FacebookInstagramYouTube e Twitter.

Carregar mais em Economia

Vejam também

Confiança do Consumidor cai 2,9 pontos em maio

O Índice de Confiança do Consumidor, da Fundação Getúlio Vargas (FGV), recuou 2,9 pontos n…