Hospital Roberto Santos realiza programação especial para Dia Nacional de Doação de Órgãos

Como centro transplantador de órgãos desde 2016, o HGRS já realizou 13 transplantes

Em comemoração ao Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos, o Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) realizará, no próximo dia 27 (sexta-feira), às 7h30, uma sessão aberta ao público sobre o tema. A atividade contará com a palestra ‘Você gostaria de ser atendido por você? Quando um ato de amor define uma missão’, ministrada pelo professor Garrido.

Maior hospital público do Norte e Nordeste, o HGRS implantou o programa de transplantes de órgãos da unidade há um ano e meio. Trata-se da única unidade da rede estadual de saúde a realizar transplante hepático e a segunda a realizar transplante renal.

De acordo com o diretor-geral do HGRS, o anestesiologista José Admirço, o credenciamento para se tornar centro transplantador de órgãos foi um passo muito importante para conseguir salvar mais vidas. “Lutamos para ser um hospital transplantador desde que iniciamos a gestão, em 2016. Era um desejo pessoal, principalmente por já ter participado de tantos transplantes enquanto médico anestesista. No entanto, o processo precisa ser minuciosamente planejado. Não bastaria o desejo pessoal, já que, para transplantar, é necessária uma estrutura de ponta. Hoje, já conseguimos realizar 13 transplantes no Hospital Roberto Santos”, conta ele.

Doação de órgãos – O sucesso de um programa de transplantes de órgãos, cabe ressaltar, depende da postura proativa da sociedade. De acordo com levantamento da Central de Transplantes do Estado da Bahia, apenas 30% dos entrevistados para doação de órgãos e tecidos dizem sim. As principais razões para a recusa das famílias são a falta de esclarecimento sobre morte cerebral, crenças religiosas e, principalmente, o desconhecimento do desejo do falecido em vida.

Sessão especial – A sessão especial em comemoração ao Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos é uma iniciativa do diretor médico do HGRS, o cardiologista André Durães. Acontecerá no Auditório Central do hospital e, portanto, terá vagas limitadas. Interessados devem se inscrever, gratuitamente, clicando aqui.

Professor Garrido tem especialização em psicologia e formação em human resources, pela Universidade de Nova York-EUA. É psicoterapeuta e coordenador dos Encontros da Cultura, além de autor do livro das Pílulas do Bem Viver.

Acompanhe o Caderno de Notícias no Facebook, no Instagram e no Twitter.

Carregar mais em Serviços

Vejam também

Inscrições abertas para oficinas gratuitas de esporte e cultura em Castelo Branco

Estão abertas as inscrições para o Projeto Humana Esporte – Oficina de lazer, esport…